Meu romance Estrangeiro no labirinto é um dos indicados na seleção do Prêmio Portugal Telecom de Literatura. Recebi a notícia da minha querida editora Karla Melo. É uma alegria muito grande estar entre nomes como Marcelino Freire e Raimundo Carrero, concorrendo na categoria romance. Enquanto esperamos o resultado, decidi compartilhar por...

[vc_row css_animation="" row_type="row" use_row_as_full_screen_section="no" type="full_width" angled_section="no" text_align="left" background_image_as_pattern="without_pattern"][vc_column][vc_column_text]Meu romance Estrangeiro no labirinto é um dos semifinalistas de um dos maiores prêmios literários em língua portuguesa, o Portugal Telecom. Na prática, o livro está entre os vinte melhores romances publicados no ano de 2013, ao lado de obras de grandes autores...

Por Raimundo Carrero((Texto publicado originalmente no Suplemento Pernambuco, mar. 2014)) Um livro que não é um livro, um romance que não é um romance mas um caleidoscópio de narrativas, ou seja — narrativas ou mundos paralelos, é uma prisão mas pretende a liberdade absoluta, assim é — ou parece ser —...

Wellington de Melo lança hoje seu novo livro, Estrangeiro no labirinto, com a proposta de provocar e confundir o leitor Por Fellipe Torres A estética parece ser uma das obsessões na obra do escritor pernambucano Wellington de Melo. Ciente do poder das palavras quando bem colocadas, ele as escolhe como ingredientes de uma elaborada receita. Desde a...

O livro "Estrangeiro no labirinto" tem quatro personagens principais. O primeiro deles é um juiz, prestes a se a aposentar, que julga o assassinato de um arquiteto famoso, Dionísio Maranhão de Albuquerque. Uma colunista social funda uma ong, Viva Dionísio, que combate a violência e em algum momento irá de encontro...